Dicas - 31/08/2018

Como tratar a piscina com ozônio?

Para realizar a higienização correta das piscinas e manter os devidos cuidados, existem os processos mecânicos, a troca da água e os tratamentos químicos, todos procedimentos complementares.

No caso dos processos químicos, responsáveis por tratar as moléculas de água, eliminando micro-organismos e demais sujeiras, o ozônio tem sido muito recomendado por especialistas como o mais eficiente e seguro método do mundo.

Ele deixa a água limpa, leve e agradável, pois tem um grande poder antibactericida e de combate às impurezas. Para que você possa usar o ozônio na purificação da água da sua piscina, é necessário instalar um equipamento, que vai converter as moléculas de oxigênio em moléculas de ozônio.

Suas vantagens:
• compatível com qualquer tipo de piscina (fibra, vinil e azulejo)
• não altera a alcalinidade e o pH da água
• pode ser utilizado em qualquer tipo de água (rede pública ou poço)
• compatível com qualquer produto químico utilizado no tratamento de piscina
• elimina a cloramina e todos os micro-organismos da água, inclusive o causador da inflamação do ouvido (otite)
• pode ser instalado em piscina com água quente ou fria
• reduz muito a possibilidade de irritação da pele e dos olhos
• deixa a água com aspecto mais limpo e bonito
• deixa a água mais saudável para quem possui problemas alérgicos e respiratórios (rinite, asma, bronquite)
• previne micoses e outras doenças da pele
• não deixa os cabelos esverdeados
• a pele não fica ressecada
• não descolore biquinis nem sungas
• não deixa cheiro na água

Dúvidas? Fale sempre com um profissional especializado.

Quer saber mais sobre o tratamento com ozônio e a instalação do equipamento?
Clique aqui e fale com a gente.

Copyright © 2019 Divina Lux. Todos os direitos reservados.

Desenvolvido por Textuau!